Coleção Pirelli / MASP de Fotografia

Alcir Lacerda

Spacer
Top
Bottom
Spacer

São Lourenço da Mata, PE, 1927

Biografia

Mudou-se com a família para Recife. Autodidata, começou a fotografar com uma Rolleiflex emprestada. O interesse pela fotografia cresceu após ingressar na JM Monteiro (1949), empresa que fazia cópias fotoestáticas e heliográficas e possuía laboratório fotográfico. Conhece o artista plástico e fotógrafo Lula Cardoso Ayres. Juntos, saem para fotografar os bairros do Recife. Em 1957 abre a ACÊ Filmes, em sociedade com Clodomiro Bezerra. No mesmo ano começa a trabalhar com microfotografia na Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Pernambuco. Colabora como freelance para o Jornal do Comércio, Diário de Pernambuco, O Estado de S. Paulo e revistas como Fatos e Fotos, O Cruzeiro, Veja e Placar. Em 1963 começa a trabalhar com Fernando Cascudo, como fotojornalista na sucursal da Manchete no Recife. Em 1963 e 1964 realizou reportagens fotográficas sobre a seca, o golpe militar e a prisão do governador Arraes, mas todo o material foi aprendido pela repressão militar, conseguindo salvar somente um filme. Nos anos setenta a ACÊ filmes chega a contar com 25 fotógrafos em seu quadro de funcionários e documentaram parte da história da sociedade pernambucana. Em 1971 começou a colaborar com a agência de propaganda Ítalo Bianchi Publicitários Associados, participou das campanhas das primeiras agências brasileiras e contribuiu para a profissionalização da fotopublicidade em Pernambuco. Ainda em 1971, junto com o fotógrafo Nelson Santos e Vladimir Barbosa abriu no Pátio São Pedro uma loja de pôsteres e fotografias. Na década de 80 presidiu por duas vezes a Associação dos Repórteres-Fotográficos e Cinematográficos de Pernambuco. É membro do Conselho de Ética do Sindicato dos Jornalistas de Pernambuco. Em 2001 e 2002, com a exposição Tamandaré, Pescadores de Almas e de Peixes, mostra as fotografias dedicadas a esta praia ao longo de 50 anos. Em 2004 foi organizada a exposição dedicada ao autor na Torre Malakoff onde foi inaugurada a sala Alcir Lacerda destinada às exposições fotográficas. Recebeu Prêmio Revista Realidade em São Paulo (1973) e foi premiado no 1º. Salão de Fotografias de Pernambuco (1976).

Versão PDF